0

Guitarra ou violão canhoto para iniciantes

Guitarra ou violão canhoto: “… e agora? Eu sou canhoto, o que faço: Toco como destro? Inverto a posição? Inverto as cordas? Existe instrumento específico para canhoto? Dá para o canhoto tocar em instrumento original para destro?”

Apesar de ser destro, já conheci alguns casos e também fui buscar opiniões diferentes para ajudar você a pensar em alguns pontos importantíssimos para definir suas escolhas como canhoto.

Espero que no final você dê uma direita certeira na cara da dúvida e possa responder: “- É assim que escolho tocar…”, e ponto.

Guitarra ou violão canhoto

Quando penso em guitarra ou violão canhoto, não deixa de vir à memória grandes guitarristas e violonistas canhotos brasileiros e gringos. O próprio mestre Jimmy Hendrix era canhoto!

O interessante é que cada um deles seguiu a sua própria forma de aproximar sua tocabilidade quanto à sua condição de canhoto. Traduzindo: cada um fez do seu jeito.

Observamos nas vivências contadas por canhotos que cada um experimentou como o instrumento mais se adequava ao seu corpo e procurou seguir o jeito que sentiu mais natural e confortável de tocar.
Geralmente, isso é feito com o teste do próprio estudante.

Percebemos que não há uma regra de como o canhoto deva portar a guitarra ou o violão. Mas há vantagens e desvantagens dependendo da escolha. É o que vamos entender ao longo da leitura.

 

Guitarra ou violão canhoto: três possibilidades de se escolher tocar

Temos três casos para analisar sobre guitarra ou violão canhoto sobre quais as maneiras que um canhoto pode tocar o instrumento:

  1. Inverter a posição do instrumentos apenas (não inverter as cordas);
  2. Inverter a posição do instrumento e inverter as cordas; e,
  3. Não inverter nada.

 

1- Inverter a posição do instrumento apenas (não inverter as cordas)

Nesse caso, o instrumento fica de “ponta-cabeça” em relação à posição dos destros.
Apenas inverte-se a posição do instrumento e não das cordas. As cordas vão ficar invertidas (em relação ao padrão destro).

A pessoa que toca guitarra ou violão canhoto tocará as notas, os acordes, com a mão direita e fará o dedilhado e o ritmo com a mão esquerda.
Tudo é invertido: os acordes, os baixos, etc. O estudante terá que inverter o que está aprendendo e adaptar à sua tocabilidade canhota.

guitarra ou violão canhoto cordas sem inversao

 

Um exemplo de guitarrista que apenas inverte a posição da guitarra sem inverter as cordas é Edgard Scandurra da banda Ira!.

Guitarra ou violão canhoto - edgard scandurra

Guitarra e violão canhoto – inverter a posição do instrumento apenas

Um grande violonista brasileiro que também não invertia as cordas, apenas a posição do instrumento, era Américo Jacomino (1889-1928). Seu próprio apelido dizia tudo: “Canhoto“, como era conhecido. Ouça a composição lindíssima de Canhoto, Abismo de Rosas.

O músico que toca guitarra ou violão canhoto muitas vezes não inverte as cordas por motivos alheios à sua vontade. Como era o caso do nosso grande violonista Chico Soares, o Canhoto da Paraíba (1926-2008), que teve que desenvolver sua técnica com as cordas sem inverter porque dividia seu violão com os irmãos.

Vantagem

O exemplo do Canhoto da Paraíba mostra a vantagem de inverter a posição do instrumento apenas, sem inverter as cordas: você treina na posição da corda que foi colocada para destros, o que permite compartilhar instrumentos com destros. Como a maioria dos instrumentos que você encontra são para destros, você não sentirá dificuldade quando for tocar uma guitarra ou um violão qualquer além do seu.

 

Desvantagem

Cutaway

Cutaway é um corte no corpo de alguns violões ou guitarras que permite maior acesso da mão para alcançar mais facilmente as notas agudas. Quando invertemos um instrumento feito para destro, o cutaway inverte junto e não serve para nada.

Então, é necessário comprar um instrumento específico para canhoto para utilização desse recurso adequadamente pelos canhotos, como no exemplo abaixo:

Guitarra ou violão canhoto cutaway

“Cutaway é o corte no corpo do violão ou da guitarra que permite alcançar mais facilmente notas agudas.”

 

(Como observação: o violão clássico ou erudito não utiliza o cutaway)

Outra desvantagem também é que o material para estudo que normalmente encontramos é para destros. Você terá que inverter tudo que está aprendendo. Muito professores possuem restrições em ensinar canhotos que tocam com a posição invertida. Alguns exigem inversão das cordas, que é nosso próximo tópico abaixo.

 

2- Inverter a posição do instrumento “e” inverter as cordas

Nesse caso, invertemos a posição do instrumento e a posição das cordas, fazendo com que os baixos (bordões) fiquem em cima e as cordas primas (mais agudas) fiquem embaixo. Seria um espelhamento da posição do destro.

guitarra ou violão canhoto - cordas invertidas

Mas cuidado!
Não é só inverter as cordas e tudo bem… Certos detalhes são importantes de se observar antes de tentar inverter as cordas do instrumento original para destro.

O violão que foi feito inicialmente para destros possui ajustes específicos (pestana, rastilho, internamente no tampo, etc.), e a guitarra a mesma coisa. Ambos possuem especificações de fábrica para uma sonoridade pensada para destros.

Não adianta só inverter as cordas. É interessante levar o instrumento para um luthier e solicitar que ele faça as mudanças necessárias para um canhoto tocar.

Se você só inverter as cordas, funcionará, mas o instrumento não soará de acordo com suas totais possibilidades.

Por isso, muitas vezes é melhor procurar um instrumento para canhoto de fábrica, pois já possui todo ajuste específico para o canhoto. Melhor comprar uma guitarra ou violão canhoto original.

guitarra ou violão canhoto - tagima memphis 32

 

 

Jimi Hendrix utilizava a guitarra e o violão dessa forma, invertia o instrumento e as cordas.

guitarra ou violão canhoto hendrix

Vantagem

A vantagem é que o material tradicional para aprendizado praticamente se mantém para o canhoto, pois só foi invertido a aplicação das mãos esquerda e direita.

O canhoto pode assim utilizar a técnica da forma tradicional do violão e da guitarra, como por exemplo, utilizar o polegar para tocar os baixos.

 

Desvantagem

Se o canhoto optar em adquirir um instrumento originalmente para destro, terá que levar para um Luthier para ajustes.
Mas, mesmo assim, temos o  problema do Cutaway em alguns instrumentos. Se já veio com o cutaway de fábrica na posição para destros, dificilmente o Luthier mexerá com isso.

O jeito é comprar um instrumento original para canhotos, o que não é tarefa tão simples. Infelizmente, a maioria das lojas de instrumentos musicais não possuem todos os modelos de instrumentos para canhotos ou nem possuem instrumentos para canhotos. Aí, o comprador tem que tentar encomendar. E ter paciência para poder pegar seu instrumento… Dureza, né?!

Outra desvantagem dessa utilização é que, por exemplo, se você quiser tocar o violão ou uma guitarra numa loja para testar, numa roda de amigos, ou coisas do gênero, provavelmente as cordas vão estar para destro e você estará acostumado a tocar com as cordas invertidas. Ou seja, provavelmente não conseguirá tocar.

 

3- Não inverter nada – Tocar como destro

Muitos canhotos tocam normalmente como destros. A princípio, como você vai começar a aprender do zero, “talvez” possa se adaptar à essa forma de tocar.

Tocar violão ou guitarra, é uma tarefa executada com ambas as mãos, certo? Quem disse que a mão esquerda tem que fazer isso e a direita aquilo? Você pode iniciar os estudos e condicionar seu corpo no modo destro de tocar.

Existem vários músicos que são canhotos e se adaptaram perfeitamente bem na forma de tocar como destros. Como exemplos, Mark Knopler e Steve Morse. Ambos grandes músicos que são canhotos normalmente, mas não na guitarra.

guitarra ou violão canhoto mark knopler steve morse

 

Mas, muitos canhotos, apesar do pensamento bonitinho acima, não se adaptam segurando o instrumento da forma destra e se sentem muito desconfortáveis.

Aí é que entra a jogada: depende de cada canhoto…

 

Conclusão – Na humilde opinião de um destro…

O que exponho para finalizar não são regras, mas apenas minha visão sobre guitarra ou violão canhoto. O que pode e deve ser questionado também, pois nem canhoto eu sou.
Porém, digo observando alguns casos de canhotos e também nosso POST aqui.

Eu diria obviamente que a primeira coisa que você deve fazer é realmente experimentar a forma de tocar que te deixa mais confortável. Fazer um teste para sentir. Mesmo que não toque nada, empunhar um violão ou guitarra, brincar um pouco simulando algo que se aproxime de tocar e tentar sentir qual modo seria o mais confortável.

Porém, digo de antemão que o canhoto que consegue se adaptar e tocar como destro é o que tem mais vantagens, pois terá todos os recursos a seu favor, tais como, material de estudo, instrumentos, etc.

Se você quiser seguir um estudo mais tradicional – como o caso do violão erudito, por exemplo –  creio que muitas escolas vão querer mudar seu modo de tocar para assim adaptar você à forma mais clássica possível de execução e à didática pregada por eles.

Então, se você apesar de canhoto iniciar os estudos da forma destra, para o caso do violão erudito é o melhor a ser feito.

Ou, se necessitar mesmo inverter a posição do instrumento, tentar pelo menos tocar com as cordas invertidas também (baixos na parte superior, primas na parte inferior).
Assim, você não entrará em choque com o ensino acadêmico, como é o caso de poder utilizar o polegar nos baixos do violão, dentre outras especificações.

 

Espero ter ajudado.

Dúvidas, opiniões, é só escrever abaixo.

Grande abraço! guitarra ou violão canhoto fim

Compartilhar (Share)
oGuitarrista

oGuitarrista

Evaldo Devellis - Guitarrista há 30 anos, foi autodidata em violão e guitarra. Posteriormente estudou com Faíska e Giácomo Bartoloni. Também cursou o Conservatório Souza Lima, Voice e IGT.

Deixe seu comentário!